Caminho pelas Estrelas Follow by Email

sábado, 28 de janeiro de 2012

Flying - The Pholhas

loving you minnie riperton

Poema em linha reta Autor: Fernando Pessoa (Álvaro de Campos)

Poema em linha reta

Fernando Pessoa

(Álvaro de Campos)




Nunca conheci quem tivesse levado porrada.

Todos os meus conhecidos têm sido campeões em tudo.



E eu, tantas vezes reles, tantas vezes porco, tantas vezes vil,

Eu tantas vezes irrespondivelmente parasita,

Indesculpavelmente sujo,

Eu, que tantas vezes não tenho tido paciência para tomar banho,

Eu, que tantas vezes tenho sido ridículo, absurdo,

Que tenho enrolado os pés publicamente nos tapetes das etiquetas,

Que tenho sido grotesco, mesquinho, submisso e arrogante,

Que tenho sofrido enxovalhos e calado,

Que quando não tenho calado, tenho sido mais ridículo ainda;

Eu, que tenho sido cômico às criadas de hotel,

Eu, que tenho sentido o piscar de olhos dos moços de fretes,

Eu, que tenho feito vergonhas financeiras, pedido emprestado sem pagar,

Eu, que, quando a hora do soco surgiu, me tenho agachado

Para fora da possibilidade do soco;

Eu, que tenho sofrido a angústia das pequenas coisas ridículas,

Eu verifico que não tenho par nisto tudo neste mundo.



Toda a gente que eu conheço e que fala comigo

Nunca teve um ato ridículo, nunca sofreu enxovalho,

Nunca foi senão príncipe - todos eles príncipes - na vida...



Quem me dera ouvir de alguém a voz humana

Que confessasse não um pecado, mas uma infâmia;

Que contasse, não uma violência, mas uma cobardia!

Não, são todos o Ideal, se os oiço e me falam.

Quem há neste largo mundo que me confesse que uma vez foi vil?

Ó príncipes, meus irmãos,



Arre, estou farto de semideuses!

Onde é que há gente no mundo?



Então sou só eu que é vil e errôneo nesta terra?



Poderão as mulheres não os terem amado,

Podem ter sido traídos - mas ridículos nunca!

E eu, que tenho sido ridículo sem ter sido traído,

Como posso eu falar com os meus superiores sem titubear?

Eu, que venho sido vil, literalmente vil,

Vil no sentido mesquinho e infame da vileza.

Enc: [Mensagens_LunaeAmigos] : São Paulo (show de fotos da cidade )



----- Mensagem encaminhada -----
De: Daspet
Para: Grupo Luna & Amigos  Luna e Amigos MENSAGENS LUNA & AMIGOS  Mensagens Luna e Amigos Grupo Associação Interancional  Associacao Internacional Poetas del Mundo
Enviadas: Quinta-feira, 26 de Janeiro de 2012 23:03
Assunto: [Mensagens_LunaeAmigos] : São Paulo (show de fotos da cidade )
 

 
 
Ponte Octavio Frias - picture by Flavius Versadus
 
SÃO PAULO
 
por Washington Olivetto
Alguns dos meus queridos amigos cariocas têm mania de achar São Paulo parecida com Nova York.
 
Discordo deles. Só acha São Paulo parecida com Nova York quem não conhece bem a cidade.
Ou melhor, quem a conhece superficialmente e imagina que São Paulo seja apenas uma imensa Rua Oscar Freire.
Oscar Freire - picture by Flavius Versadus
 
 
Na verdade, o grande fascínio de São Paulo
é parecer-se com muitas cidades ao mesmo tempo e,
por isso mesmo, não se parecer com nenhuma.
Ibirapuera - picture by Flavius Versadus
São Paulo,
entre muitas outras parecenças,
se parece com
Paris no Largo do Arouche,
Salvador na
Estação do Brás,
Tóquio na Liberdade,
Roma ao lado do Teatro Municipal,
Munique em Santo Amaro,
Lisboa no Pari,
com o Soho londrino na Vila Madalena
e com a pernambucana
Olinda na Freguesia do Ó.
 
São Paulo é um somatório de qualidades e defeitos, alegrias e tristezas, festejos e tragédias. Tem hotéis de luxo, como o Fasano, o Emiliano e o L'Hotel, mas também tem gente dormindo embaixo das pontes.
Tem o deslumbrante pôr-do-sol do Alto de Pinheiros e a exuberante vegetação da Cantareira, mas também tem o ar mais poluído do país.
Cantareira - picture by Flavius Versadus
 
Praça Pôr-do-Sol - picture by Flavius Versadus
 
Evening - picture by Flavius Versadus
 
Ibirapuera noite - picture by Flavius Versadus
 
Promove shows dos Rolling Stones e do U2, mas também promove acidentes como o da cratera do metrô
e o do avião da TAM em Congonhas.
 
São Paulo é sempre surpreendente. Um grupo de meia dúzia de paulistanos significa um italiano, um japonês,
um baiano, um chinês, um curitibano e um alemão.
 
São Paulo é realmente curiosa. Por exemplo: têm diversos grandes times de futebol, sendo que um deles
leva o nome da própria cidade e recebeu o apelido
'o mais querido'.
Mas, na verdade, o maior e o mais
querido é o Corinthians, que tem nome inglês, fica perto da Portuguesa e foi fundado por italianos,
igualzinho ao seu inimigo de estimação, o Palmeiras.
São Paulo nasceu dos santos padres jesuítas, em 1554, mas chegou a 2007 tendo como celebridade o permissivo Oscar Maroni, do afamado Bahamas.
São Paulo já foi chamada de 'o túmulo do samba' por Vinicius de Moraes, coisa que Adoniran Barbosa, Paulo Vanzolini e Germano Mathias provaram não ser verdade, e, apesar da deselegncia discreta de suas meninas, corretamente constatada por Caetano Veloso, produziu chiques, como Dener Pamplona de Abreu e Gloria Kalil.
Terraço Itália - picture by Flavius Versadus
 
 
Upskye - Skyline - Hotel Unique - picture by Flavius Versadus
 
Em São Paulo se faz pizzas melhores que as de Nápoles, sushis melhores que os de Tóquio, lagareiras melhores que as de Lisboa e pastéis de feira melhores que os de Paris, até porque em Paris não existem pastéis, muito menos os de feira.
 
Em alguns momentos,
São Paulo se acha o máximo,
em outros um horror.
Nenhum lugar do planeta é tão maniqueísta.
Higienópolis - picture by Flavius Versadus
 
Cidade Jardim - picture by Flavius Versadus
 
Iguatemi - picture by Flavius Versadus
 
Cidade Universitária - picture by Flavius Versadus
Masp - picture by Flavius Versadus
 
Sala São Paulo - picture by Flavius Versadus
 
 
São Paulo é a cidade em que a democratização da beleza, fenômeno gerado pela miscigenação,
melhor se manifesta.
São Paulo é uma cidade em que o corpo e as mãos do homem trabalharam direitinho, coisa que se reconhece
observando as meninas que circulam pelas ruas.
Bellini - picture by Flavius Versadus
 
 
 
 
 
 
 
 
E se confirma analisando obras como o Pátio do Colégio (local de fundação da cidade), a Estação da Luz
(onde hoje fica o Museu da Língua Portuguesa), o Mosteiro de São Bento, a Oca, no Parque do Ibirapuera,
o Terraço Itália, a Avenida Paulista, o Sesc Pompéia, o palacete Vila Penteado, o Masp, o Memorial da América
Latina, a Santa Casa de Misericórdia, a Pinacoteca e mais uma infinidade de lugares desta cidade que não
pode parar, até porque tem mais carros do que estacionamentos.
São Paulo não é geograficamente linda, não tem mares azuis, areias brancas nem montanhas recortadas.
Nossa surfista mais famosa é a Bruna, e nossos alpinistas, na maioria, são sociais.
Horto Florestal - picture by Flavius Versadus   Parque Trianon - picture by Flavius Versadus
Mas, mesmo se levarmos o julgamento para o quesito das belezas naturais, São Paulo se dá mundialmente
muito bem por uma razão tecnicamente comprovada.

Entre as maiores cidades do mundo, como Tóquio, Nova York e Cidade do México, em matéria de
proximidade da beleza, São Paulo é, disparado, a melhor.
Porque é a única que fica a apenas 45 minutos de vôo do Rio de Janeiro. O mais importante é que com essa
distância nenhuma bala perdida pode alcançar São Paulo!
Centro Empresarial Nações Unidas - picture by Flavius Versadus
Paulista - picture by Flavius Versadus
(Washington Olivetto é paulista, paulistano e publicitário)
Não são poucos os que buscam a literatura, desejosos de fórmulas mágicas, no caminho do menor esforço.
Todavia, o que é indispensável salientar é que nenhum estudioso pode conquistar simpatia sem que haja transformado o coração em manancial de bondade espontânea e sincera. Na vida não basta saber. É imprescindível compreender. Os livros ensinam mas só o esforço próprio aperfeiçoa a alma para a grande e abençoada compreensão.  (Emmanuel)
 
 
 
 
__._,_.___
Endereço Virtual:Delasnieve Miranda Daspet de SouzaEmbaixadora Universal da Paz  - Genebra - Suiça Embaixadora para o Brasil de Poetas del Mundowww.delasnievedaspet.com.br   - UNESCO  WORLD POETRY DIRECTORY  www.pantanalms.tur.br      -  UNESCO  WORLD POETRY DIRECTORY  www.lunaeamigos.com.br  -  UNESCO  WORLD POETRY DIRECTORY  http://www.delasnievedaspet.com.br/embaixadora_universal_da_paz.htmhttp://www.poetasdelmundo.com/verInfo_america.asp?ID=600http://br.egroups.com/group/LunaeAmigoshttp://br.groups.yahoo.com/group/Mensagens_LunaeAmigos/http://br.groups.yahoo.com/group/PoetasdelMundo_Brasil/http://delasnievedaspet.blog.uol.com.brhttp://forumdeculturams.delasnievedaspet.com.br/index.htmlhttp://grupobrasilmostratuacara.blogspot.com/
Yahoo! Grupos
.
__,_._,___

Enc: [Mensagens_LunaeAmigos] A SUÍÇA ESTREMECE: ... artigo sobre os bancos da Suíça - artigo de GILLES LAPOUGE



----- Mensagem encaminhada -----
De: Daspet
Para: Grupo Luna & Amigos  Luna e Amigos MENSAGENS LUNA & AMIGOS  Mensagens Luna e Amigos  Forum Grupo  Forum de Cultura MS Grupo Associação Interancional  Associacao Internacional Poetas del Mundo
Enviadas: Sexta-feira, 27 de Janeiro de 2012 9:44
Assunto: [Mensagens_LunaeAmigos] A SUÍÇA ESTREMECE: ... artigo sobre os bancos da Suíça - artigo de GILLES LAPOUGE

 

----- Original Message -----
From: Joffre B.Camargo


 


   A MAIOR LAVANDERIA DE DINHEIRO DO MUNDO AMEAÇA FALIR - A Suíça estremece
                                            por Gilles Lapouge

Os belos bancos, elegantes, silenciosos de Basileia e Berna estão ofegantes. Poderia dizer-se que eles estão assistindo na penumbra a uma morte ou estão velando um moribundo. Esse moribundo, que talvez acabe mesmo morrendo, é o "segredo bancário" suíço.
O ataque veio dos Estados Unidos, em acordo com o presidente Obama. O primeiro tiro de advertência foi dado na quarta-feira: a UBS - União de Bancos Suíços, gigantesca instituição bancária suíça viu-se obrigada a fornecer os nomes de 250 clientes americanos por ela ajudados para defraudar o fisco. O banco protestou, mas os americanos ameaçaram retirar a sua licença nos Estados Unidos. Os suíços, então, passaram os nomes. E a vida bancária foi retomada tranquilamente.
Mas, no fim da semana, o ataque foi retomado. Desta vez os americanos golpearam forte, exigindo que a UBS forneça o nome dos seus 52.000 clientes titulares de contas ilegais! O banco protestou. A Suíça está temerosa.
O partido de extrema-direita, UDC (União Democrática do Centro), que detém um terço das cadeiras no Parlamento Federal, propõe que o segredo bancário seja inscrito e ancorado pela Constituição federal.
Mas como resistir?
A União de Bancos Suíços não pode perder sua licença nos EUA, pois é nesse país que aufere um terço dos seus benefícios. Um dos pilares da Suíça está sendo sacudido. O segredo bancário suíço não é coisa recente.Esse dogma foi proclamado por uma lei de 1934, embora já existisse desde 1714.
No início do século 19, o escritor francês Chateaubriand escreveu que neutros nas grandes revoluções nos Estados que os rodeavam, os suíços enriqueceram à custa da desgraça alheia e fundaram os bancos em cima das calamidades humanas.
Acabar com o segredo bancário será uma catástrofe económica.Para Hans Rudolf Merz, presidente da Confederação Helvética, uma falência da União de Bancos Suíços custaria 300 bilhões de francos suíços.E não se trata apenas do UBS.Toda a rede bancária do país funciona da mesma maneira.
O historiador suíço Jean Ziegler, que há mais de 30 anos denuncia a imoralidade helvética, estima que os banqueiros do país, amparados no segredo bancário, fazem frutificar três trilhões de dólares de fortunas privadas estrangeiras.
Os ativos estrangeiros chamados institucionais, como os fundos de pensão, são nitidamente minoritários.
Ziegler acrescenta ainda que se calcula em 27% a parte da Suíça no conjunto dos mercados financeiros offshore do mundo, bem à frente de Luxemburgo, Caribe ou o extremo Oriente. Na Suíça, um pequeno país de 8 milhões de habitantes, 107 mil pessoas trabalham em bancos.O manejo do dinheiro na Suíça, diz Ziegler, reveste-se de um caráter sacramental.Guardar, recolher, contar, especular e ocultar o dinheiro, são todos atos que se revestem de uma majestade ontológica, que nenhuma palavra deve macular, e realizam-se em silêncio e recolhimento.
Onde pararam as fortunas recolhidas pela Alemanha Nazi?
Onde estão as fortunas colossais de ditadores como Mobutu, do Zaire; Eduardo dos Santos, de Angola; dos Barões da droga Colombiana; Papa-Doc, do Haiti; Mugabe, do Zimbabwe... e da Máfia Russa?
Quantos atuais e ex-governantes, presidentes, ministros, reis e outros instalados no poder, até em cargos mais discretos como Prefeitos de Municípios, têm polpudas "gatunadas"  contas na Suíça?
Quantas ficam eternamente esquecidas na Suíça, congeladas, e quando os titulares das contas morrem ou caem da cadeira do poder, tornam-se impossíbilitadas de serem alcançadas pelos legítimos (!?) herdeiros ou pelos países que foram espoliados ?
Por exemplo, por que após a morte de Mobutu os seus filhos nunca conseguiram entrar na Suíça?... Tudo lá ficou para sempre e em segredo .
Agora, surge um outro perigo, depois do duro golpe dos americanos.Na mini cúpula europeia que se realizou em Berlim, (em preparação ao encontro do G-20 em Londres), França, Alemanha e Inglaterra (o que foi inesperado) chegaram a um acordo no sentido de sancionar os paraísos fiscais.
"Precisamos de uma lista daqueles que recusam a cooperação internacional", vociferou a chanceler Angela Merkel.
No domingo, o encarregado do departamento do Tesouro britânico Alistair Darling, apelou aos suíços para se ajustarem às leis fiscais e bancárias europeias.
Vale observar, contudo, que a Suíça não foi convidada para participar do G-20 de Londres, quando serão debatidas as sanções a serem adotadas contra os paraísos fiscais.
Há muito tempo se deseja o fim do segredo bancário.Mas até agora, em razão da prosperidade econômica mundial, todas as tentativas foram abortadas.
Hoje, estamos em crise. Viva a crise !!!
Barack Obama, quando era senador, denunciou com perseverança a imoralidade desses remansos de paz para o dinheiro corrompido.Hoje ele é presidente. É preciso acrescentar que os Estados Unidos têm muitos defeitos, mas a fraude fiscal sempre foi considerada um dos crimes mais graves no país.Nos anos 30, os americanos conseguiram caçar Al Capone.Sob que pretexto? Fraude fiscal !
Para muito breve, a queda do império financeiro suíço.

Demorou....!
















Endereço Virtual:

Delasnieve Miranda Daspet de Souza
Embaixadora Universal da Paz  - Genebra - Suiça
Embaixadora para o Brasil de Poetas del Mundo
www.delasnievedaspet.com.br   - UNESCO  WORLD POETRY DIRECTORY 
www.pantanalms.tur.br      -  UNESCO  WORLD POETRY DIRECTORY 
www.lunaeamigos.com.br  -  UNESCO  WORLD POETRY DIRECTORY 
http://www.delasnievedaspet.com.br/embaixadora_universal_da_paz.htm
http://www.poetasdelmundo.com/verInfo_america.asp?ID=600
http://br.egroups.com/group/LunaeAmigos
http://br.groups.yahoo.com/group/Mensagens_LunaeAmigos/
http://br.groups.yahoo.com/group/PoetasdelMundo_Brasil/
http://delasnievedaspet.blog.uol.com.br
http://forumdeculturams.delasnievedaspet.com.br/index.html
http://grupobrasilmostratuacara.blogspot.com/




Yahoo! Grupos
.

__,_._,___