Caminho pelas Estrelas Follow by Email

quarta-feira, 4 de abril de 2012

Poema: REINANDO ABSOLUTO ENTRE O ALFA E O ÔMEGA Autor: Odenir Ferro


Art of the Day Hans Memling: Scenes from the Passion of Christ
oil on panel, 1470 - 71
Galleria Sabauda, Turin

 
Poema: REINANDO ABSOLUTO ENTRE O ALFA E O ÔMEGA

Autor: Odenir Ferro



Dentro de mais esta Semana Santa em que

Podemos refletir sobre os transcendentais

Mistérios do significado da Vida, da Morte,

E da Ressurreição de Nosso Senhor Jesus Cristo,



De que maneira podemos, dentro da atualidade,

Envolvermos-nos muito e em completa admiração

Com profundidade de amor, com este imensurável

Mistério, envolvendo-nos com esta Eterna Aliança,

Representando a Compaixão que Ele sentiu e sente

Por todos nós, dentro do Seu Amoroso e Divinal

Desejo de Poder e querer e ter efetivado o dom

De Salvar-nos, redimindo-nos dos pecados?!



Qual é a fonte de Luz e de esperança, capaz

De nos concientizar de uma vez por todas,

De que somos, através d'Ele, que morreu,

E Ressussitou por nós, Eternos...?!



Qual e a fonte de Paz, harmonia e concórdia,

Situando-se dentro das dimensões do Seu

Amor por nós?! Nesta Semana da Paixão,

Morte e Ressurreição do Nosso Rei

Jesus Cristo, como nos situamos,

Em fé avante além das leis

Das razões emocionais,

Atuais, muito embora

Entrelaçando-se com

As dimensões

Atemporais?



Vivemos e cremos, na atualidade,

Perante os desígnios vindos da

Inquestionável Sabedoria,

D'Ele? O Nosso Rei Jesus?



E Ele? Aonde estará neste exato

Momento? Em que o Tempo,

Perante à Eternidade, se faz

Inexistente, dentro das

Concepções da

Plenitude

De Deus?



Bem ou muito mal, criamos e recriamos

As nossas Leis terrenas, moldando-a,

De tempos em tempos, aos nossos

Entendimentos do que possa vir

A ser ou é, essa tal de realidade...



Mas Ele, perdura Onisciente, Onipresente,

Reinando Absoluto entre o Alfa e o Ômega!

Operando incríveis Milagres, nos restituindo,

Ou Eternizando as fontes das nossas Vidas!