Caminho pelas Estrelas Follow by Email

quarta-feira, 21 de março de 2012

Enc: Ecologia Espiritual - O que eu tenho a ver com isso?



----- Mensagem encaminhada -----
De: Setor de Divulgação - AMORC SP1
Para: odenir.ferro@yahoo.com.br
Enviadas: Quarta-feira, 21 de Março de 2012 9:40
Assunto: Ecologia Espiritual - O que eu tenho a ver com isso?
Setor de Divulgacao - AMORC SP1


A ecologia, enquanto ciência está preocupada em estudar o Sistema Terrestre, ou seja, as interações entre os seres e o meio ambiente, sendo isto bastante conhecido de todos. Ao se analisar a etimologia da palavra, entretanto, vemos que esta deriva do grego oikos, que significa casa. Como sufixo latino logos significa estudo, a tradução literal do termo seria "estudo da casa". Portanto, pode-se afirmar que a ecologia é a ciência que estuda a relação dos seres em sua casa, a Terra.
A cultura ocidental, dominante no planeta, sobretudo a partir de seu referencial tecnológico e do uso indiscriminado dos recursos naturais, tem se debruçado nas últimas décadas em encontrar saídas para o aumento da população, a necessidade de produção de alimentos e bens de consumo, e o uso sustentável dos recursos naturais. O que isso tem a ver com Misticismo?
 
 
O que diz o 4º Manifesto Rosacruz...
 
A propósito das relações do Ser Humano com a Natureza, consideramos que elas nunca foram tão ruins num plano de conjunto. Todo mundo pode constatar que a atividade humana tem efeitos cada vez mais nocivos e degradantes sobre o ambiente. No entanto, é evidente que a sobrevivência da espécie humana depende de sua aptidão para respeitar os equilíbrios naturais. O desenvolvimento da Civilização gerou muitos perigos decorrentes de manipulações biológicas relativas à alimentação, à utilização em grande escala de agentes poluentes, à acumulação mal controlada de resíduos nucleares, para citarmos apenas alguns riscos principais. A proteção da Natureza e, portanto, a salvaguarda da Humanidade, tornou-se uma questão de cidadania, ao passo que antes só dizia respeito aos especialistas. 
 
---------------------------------------------------------------------------------------