Caminho pelas Estrelas Follow by Email

domingo, 9 de outubro de 2011

Poesia: DESAMOR E AMOR Autor: Odenir Ferro

Poesia: DEAMOR e AMOR
Autor: Odenir Ferro

Desencontros de vidas, resulta nisso:
- Puxa vida. Mas, que saudades de você!
Quanto tempo!
- Eu já nem consigo mais lhe ver...
Dentro da minha imaginação.
- Quantas saudades!...
Quantas saudades que eu carrego,
Sempre assim,... Tão longe de voc^e!
onde se encontram, agora,
As luzes desses olhos seus...
Que, em parte do meu mundo,
Agora se agitam , sentindo,
As palavras do seu vocabulário?!
Você passou... E eu, passei tabém.

E agora, tanto tempo ja se passou...
E agora tantos sonhos se acabaram...

Como posso um novo mundo construir,
Se ausente vivo sempre sem você?
Perdoe-me.
Não mgoe mais essas emoções.
Pois esses sentimentos que são meus,
Resumem-se numa palavrinha a mais, apenas: - O Amor!
E eu acabo este meu sonho,
Que você recusou-se a compreendê-lo!
Este sonh9o que é vivenciado numa realidade do Amor.
Amor que novamente, tanto em mim vivo
A fazê-lo dia-a-dia,
Renascer!

Enc: Caminho Pelas Estrelas



----- Mensagem encaminhada -----
De: Odenir Ferro <odenir.ferro@yahoo.com.br>
Para: Odenir Ferro <odenir.ferro@yahoo.com.br>
Enviadas: Domingo, 9 de Outubro de 2011 16:03
Assunto: Enc: Caminho Pelas Estrelas


----- Mensagem encaminhada -----
De: Caminho Pelas Estrelas
Para: odenir.ferro@yahoo.com.br
Enviadas: Domingo, 9 de Outubro de 2011 14:32
Assunto: Caminho Pelas Estrelas

Caminho Pelas Estrelas

Posted: 09 Oct 2011 09:13 AM PDT

----- Mensagem encaminhada -----
De: Cercle Univ. Ambassadeurs de la Paix
Para: Undisclosed-Recipient@yahoo.com
Enviadas: Domingo, 9 de Outubro de 2011 8:58
Assunto: Fw: paz se mao em mao main dans la main de la paix Hand in the hand of peace Mano en la mano de la paz
 
  de notre ambassadrice  Lígia Antunes Leivas BRESIL
 votre indulgence pour les traductions merci !
 
                                           
                                                                             
       
Paz de mão em mão
 
Súplica nos olhos, na face, no coração...
Pedido feito no silêncio de múltiplas vozes!
De mão em mão
constrói o chão,
refaz a vida!
Sentimento sem fronteiras, sem limites
onde se abrigam esperanças que não cansam!
Linguagem fácil para o mundo todo!
Em seu seio acolhe o viandante
o caminheiro em desatino...
A eles abre-lhes as portas.
É refúgio, é segurança
é fortaleza...
olhar manso no horizonte!
Eis a PAZ!
...sempre invocada,
tão pouco encontrada!...
 
Main dans la main de la paix 
Supplication dans les yeux, le visage, le coeur… 
Demande faite dans le silence de multiples voix ! 
Main dans la main 
il construit le sol, 
il refait la vie ! 
Sentiment sans frontières, sans limites 
où s'abritent des espoirs qui ne fatiguent pas ! 
Langue facile pour tout le monde  ! 
Dans son sein il accueille l'errant
le promeneur dans la folie… 
À eux il leur ouvre la porte.
Cet abri est une  sécurité 
c'est une forteresse…
 regarder doucement vers l'horizon !
 Voici la PAIX !  … toujours invoquée,  aussi peu trouvée ! … 
Hand in the hand of peace 
Supplication in the eyes, the face, the heart…
 Ask made in the silence of multiple voices! 
Hand in hand
 it builds the ground, 
it remakes the life! 
Feeling without borders, limits
 where hopes shelter which do not tire!
 Easy language for everyone! 
In its centre it accomodates wandering
the walker in the madness… 
With them it opens the door.
to them This shelter is a safety 
It is a fortress… 
to look at gently towards  horizon! 
Here PEACE! … always called upon,  also little found!
Mano en la mano de la paz 
Súplica en los ojos, la cara, el corazón… 
¡Demanda hecha en el silencio con múltiples voces! 
Mano en la mano 
construye el suelo,
 ¡rehace la vida! 
Sentimiento sin fronteras, sin límites
 dónde ¡albergan esperanzas que no cansan! 
¡Lengua fácil para todo el mundo! 
En su seno acoge errando 
el paseante en la locura… 
Ellos les abre el portas.
Este refugio es una seguridad 
Es una fortaleza…
 observar suavemente hacia ¡horizonte! 
¡Ahí tienes la PAZ! ¡… siempre alegada, también poco encontrada! …
&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&
 
Posted: 08 Oct 2011 02:31 PM PDT
Poema: O SOM DA PRECE
Autor: Odenir Ferro
Ao sentir na luz do brilho dos seus olhos,
a claridade intensamente suave da minha estrela
foi que pude perceber então
aquela tão minha estrela que profundamente guardo,
em memória a comunhão da cumplicidade existente
na partilha de nossas vidas.
Como sendo a primícia da minha estrela guia,
foi somente então que pude perceber
o quanto é importante
o som que em súplicas silenciosas,
vindas do interior mais profundo da minha alma
em forma de prece dos meus lábios caem.
Jorrando o vento brando da noite cálida,
e clara pelo luar, a derramar por toda a extensão
do meu corpo, o calor da prece.
Calor que nos envolve embriagando-nos de amor
criado num alento de esperança
ao envolver-nos cada vez mais,
com a aceitação dos nossos momentos lindos
que tão magníficos estão nesta supremacia
vindas da luz de vida sublime,
que agora gero neste acalanto
em forma de som
e de prece.
Uma prece prerrogativa e indagativa,
do amor existente no calor dos nossos corações.
Residente nas nossas mais nobres emoções.
Hoje há uma prece que em forma de oração faço.
Olhando na luz dos seus olhos,
vejo refletido em mim, o brilho da luz vindo daquela estrela.
Estrela que guardo em mim como nossa guia.
Estrela mágica que proporciona magia infinita
de luz esitente na nossa luminosidade igualmente incandescente.
Não cadente,
mas eternamente presente e fixa
no infinito eu dos nossos eus
residentes no infinito do nosso céu,
e também residente na memória dos nossos corações.
Quando faço uma oração em forma de prece
surge então em mim a magia da distância que sinto tão próxima
e então logo crescem sensações e emoções,
no interior residente do meu coração.
E ao calor dessas emoções,
é que me envolvo
em contínouo estágio de crescimento interior.
Vivo em minha alma porque sei que vivo está em nossa alma.
Na vivacidade do som de uma prece,
que faço como se fosse um acalanto
em forma de hinos e canções
a nossa estrela guia.
Que faço como se fose uma oração,
em forma de luz e de prece
Que de coração entrego
no infinito das estrelas.
Para que também elas sejam
cúmplices da comunhão existente
na partilha do amor
de nossas vidas.
Posted: 08 Oct 2011 01:33 PM PDT

----- Mensagem encaminhada -----
De: Daspet
Para: GrupoLuna&Amigos; MENSAGENS LUNA&AMIGOS Forum-Grupo; PoetasdelMundoBrasil
Enviadas: Sexta-feira, 7 de Outubro de 2011 22:45
Assunto: [Mensagens_LunaeAmigos] Jobs.... Obrigado por tudo !
 
 
----- Original Message -----
From
 
 
Esse video  diz tudo !
Steve Jobs - Discurso Stanford - Legendado
Clique no link abaixo:
 
 
 
__._,_.___
Atividade nos últimos dias:
Endereço Virtual: Delasnieve Miranda Daspet de Souza Embaixadora Universal da Paz  - Genebra - Suiça Embaixadora para o Brasil de Poetas del Mundo www.delasnievedaspet.com.br   - UNESCO  WORLD POETRY DIRECTORY  www.pantanalms.tur.br      -  UNESCO  WORLD POETRY DIRECTORY  www.lunaeamigos.com.br  -  UNESCO  WORLD POETRY DIRECTORY  http://www.delasnievedaspet.com.br/embaixadora_universal_da_paz.htmhttp://www.poetasdelmundo.com/verInfo_america.asp?ID=600http://br.egroups.com/group/LunaeAmigoshttp://br.groups.yahoo.com/group/Mensagens_LunaeAmigos/http://br.groups.yahoo.com/group/PoetasdelMundo_Brasil/http://delasnievedaspet.blog.uol.com.brhttp://forumdeculturams.delasnievedaspet.com.br/index.htmlhttp://grupobrasilmostratuacara.blogspot.com/
Yahoo! Grupos
.
__,_._,___
You are subscribed to email updates from Caminho Pelas Estrelas
To stop receiving these emails, you may unsubscribe now.
Email delivery powered by Google
Google Inc., 20 West Kinzie, Chicago IL USA 60610

Enc: paz se mao em mao main dans la main de la paix Hand in the hand of peace Mano en la mano de la paz



----- Mensagem encaminhada -----
De: Cercle Univ. Ambassadeurs de la Paix
Para: Undisclosed-Recipient@yahoo.com
Enviadas: Domingo, 9 de Outubro de 2011 8:58
Assunto: Fw: paz se mao em mao main dans la main de la paix Hand in the hand of peace Mano en la mano de la paz

 
  de notre ambassadrice  Lígia Antunes Leivas BRESIL
 votre indulgence pour les traductions merci !
 
                                           
                                                                             
       
Paz de mão em mão
 
Súplica nos olhos, na face, no coração...
Pedido feito no silêncio de múltiplas vozes!
De mão em mão
constrói o chão,
refaz a vida!
Sentimento sem fronteiras, sem limites
onde se abrigam esperanças que não cansam!
Linguagem fácil para o mundo todo!
Em seu seio acolhe o viandante
o caminheiro em desatino...
A eles abre-lhes as portas.
É refúgio, é segurança
é fortaleza...
olhar manso no horizonte!
Eis a PAZ!
...sempre invocada,
tão pouco encontrada!...
 
Main dans la main de la paix 
Supplication dans les yeux, le visage, le coeur… 
Demande faite dans le silence de multiples voix ! 
Main dans la main 
il construit le sol, 
il refait la vie ! 
Sentiment sans frontières, sans limites 
où s'abritent des espoirs qui ne fatiguent pas ! 
Langue facile pour tout le monde  ! 
Dans son sein il accueille l'errant
le promeneur dans la folie… 
À eux il leur ouvre la porte.
Cet abri est une  sécurité 
c'est une forteresse…
 regarder doucement vers l'horizon !
 Voici la PAIX !  … toujours invoquée,  aussi peu trouvée ! … 
Hand in the hand of peace 
Supplication in the eyes, the face, the heart…
 Ask made in the silence of multiple voices! 
Hand in hand
 it builds the ground, 
it remakes the life! 
Feeling without borders, limits
 where hopes shelter which do not tire!
 Easy language for everyone! 
In its centre it accomodates wandering
the walker in the madness… 
With them it opens the door.
to them This shelter is a safety 
It is a fortress… 
to look at gently towards  horizon! 
Here PEACE! … always called upon,  also little found!
Mano en la mano de la paz 
Súplica en los ojos, la cara, el corazón… 
¡Demanda hecha en el silencio con múltiples voces! 
Mano en la mano 
construye el suelo,
 ¡rehace la vida! 
Sentimiento sin fronteras, sin límites
 dónde ¡albergan esperanzas que no cansan! 
¡Lengua fácil para todo el mundo! 
En su seno acoge errando 
el paseante en la locura… 
Ellos les abre el portas.
Este refugio es una seguridad 
Es una fortaleza…
 observar suavemente hacia ¡horizonte! 
¡Ahí tienes la PAZ! ¡… siempre alegada, también poco encontrada! …
&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&